Brasil 24/7

Clique para compartilhar o link do texto original


O ex-ministro Gustavo Bebianno afirmou que o então presidenciável Jair Bolsonaro chancelou em 2018 um acordo para repassar cerca de R$ 2,7 milhões para o diretório do partido em Pernambuco. Bebianno afirmou que houve um acordo político entre Bolsonaro e o atual presidente do PSL, Luciano Bivar (PE), para que o então pré-candidato ingressasse no PSL

[...]

Leia o texto completo em Brasil 24/7