Jornalistas Livres

Clique para compartilhar o link do texto original

Actualidad RT

O fundador da Wikipedia, Jimmy Wales, anunciou a criação de uma nova rede social baseada em um modelo alternativo ao Facebook e outras plataformas similares, financiado apenas por doações e livre de publicidade.

“Adeus, Facebook, é hora de algo novo”, declarou Wales na feira “Digital X”, na cidade de Colônia, na Alemanha, ao anunciar a rede WT:Social , que se encontra ainda em fase de desenvolvimento.

“Já imaginou uma rede social onde toda a comunidade possa editar os conteúdos?”, perguntou Wales à audiência. E em seguida explicou que sua ideia é “transferir os princípios da Wikipedia a uma rede social”.

O criador da enciclopédia virtual prometeu aos usuários que se registrarem na plataforma nesta primeira etapa receberão dele uma solicitação de amizade, enviada pessoalmente, informou a imprensa alemã.

[...]

“Nunca venderemos seus dados”

Em sua página na web, a WT:Social afirma que outras redes sociais, à medida em que foram crescendo, “também amplificaram as vozes dos maus atores em todo o mundo”, enquanto seus algoritmos só se preocupavam “em manter as pessoas viciadas em plataformas sem conteúdo”.

Em contrapartida, assegura que seu projeto busca ser diferente e que “nunca” venderá os dados de seus usuários, pois sobrevive “graças a generosidade de doadores individuais, para garantir que a privacidade se mantenha protegida e que o espaço social esteja livre de publicidade”.

“Autorizaremos [a cada usuário] que tomem suas próprias decisões a respeito do conteúdo que recebem e que editem diretamente os títulos enganosos ou marquem publicações problemáticas”, promete o WT:Social.

Tradução: Eduardo Hegenberg para o Jornalistas Livres.

O post “Adeus, Facebook, é hora de algo novo”: Wikipedia anuncia uma rede social própria e livre de publicidade apareceu primeiro em Jornalistas Livres.

Leia o texto completo em Jornalistas Livres