O Cafezinho

Clique para compartilhar o link do texto original

Em entrevista à jornalista Leda Negla, divulgada hoje no youtube, o deputado federal Eduardo Bolsonaro (PSL-SP), filho do presidente Jair Bolsonaro, afirmou que uma resposta a eventual aumento da oposição da “esquerda” ao governo pode ser um “novo AI-5”.

Lembrei-me da famosa frase de Marx, em seu clássico ensaio o 18 de Brumário de Luis Bonaparte, de que a história se repete, a primeira vez como tragédia, a segunda, como farsa.

A frase de Eduardo, embora deva ser duramente repudiada, não passa de uma ridícula palhaçada, de alguém que não tem sequer ideia do que significaria, em pleno 2019, para o Brasil de hoje, medidas de exceção como aquelas tomadas pela ditadura militar em dezembro de 1968.

[...]

Há um lado positivo, que é lançar no ridículo as falas do presidente Bolsonaro em prol da “liberdade” e da “democracia”, pronunciadas sempre como contraponto a um suposto “comunismo” fantasmagórico defendido pelo que entende como “esquerda”.

A íntegra da entrevista de Eduardo Bolsonaro pode ser vista aqui:

O post Filho do presidente defende AI-5 como “resposta à esquerda” apareceu primeiro em O Cafezinho.

Leia o texto completo em O Cafezinho