Opera Mundi

Clique para compartilhar o link do texto original

O cosmonauta russo Alexei Leonov, o primeiro humano a entrar para a história ao caminhar no espaço em 1965, morreu nesta sexta-feira (11/10) aos 85 anos, em decorrência de uma longa doença, informou a agência espacial Roscosmos. "Alexei morreu no Hospital Burdenko [em Moscou], após uma longa doença", afirmou sua assistente pessoal, Natalia Filimonova, em entrevista à agência de notícias russa TASS. A causa da morte não foi divulgada. O enterro de Leonov será realizado no próximo dia 15 de outubro, no Cemitério Militar Federal da cidade de Mytishchi, em Moscou. Nascido em 30 de maio de 1934, o cosmonauta caminhou do lado de fora de uma espaçonave em 1965. Leonov fez um deslocamento de dois a três metros de distância ao longo 12 minutos e 9 segundos no exterior da Voskhod 2, enquanto seu colega de equipe, Pavel Belyayev, permaneceu no controle.Considerado uma lenda da exploração espacial, Leonov fez parte da equipe da primeira missão espacial conjunta entre a União Soviética e os Estados Unidos, em 1975. Ele também acumulou em sua carreira dois títulos de Herói da URSS, a mais alta distinção do país. Aposentado desde 1992, depois de comandar o Corpo de cosmonautas, Leonov nunca abandonou sua paixão pela pintura e pela escrita, a qual passou de ensaios em voos espaciais à ficção científica.

[...]

Leia o texto completo em Opera Mundi