Revista Fórum

Clique para compartilhar o link do texto original

Após acordo fechado em junho entre os governos Jair Bolsonaro e Donald Trump para facilitar a deportação de brasileiros – que permitiu que a expulsão fosse feita à revelia, sem direito de defesa -, chegou na madrugada deste sábado (26) no aeroporto de Confins, em Belo Horizonte, o primeiro avião trazendo a primeira leva de deportados.

Entre os 57 brasileiros expulsos dos EUA, após ficarem detidos por um mês na cidade de El Paso, no Texas, estaria um bebê de um ano.

De acordo com uma das famílias dos deportados ouvida pelo jornal O Globo , os brasileiros tiveram pouco acesso à defesa, além de alegar que as condições humanas eram precárias em El Paso, incluindo restrições a banhos.

[...]

Em junho, o governo brasileiro fechou um acordo com Washington para facilitar a deportação de brasileiros sem passaporte ou em situação migratória irregular, emitindo uma autorização especial de viagem que pode ser obtida à revelia da pessoa.

Todos os brasileiros foram deportados dentro das novas regras criadas pelo acordo. Até então, toda a pessoa que entrasse em território estadunidense passava por um processo migratório. Agora, quando detidos na fronteira, a pessoa pode ser deportada sem nenhum procedimento administrativo sequer, apenas por decisão do controle fronteiriço.

Leia o texto completo em Revista Fórum