Revista Fórum

Clique para compartilhar o link do texto original

Nilcea Freire, ex-ministra de Políticas para as Mulheres do governo de Luiz Inácio Lula da Silva, entre 2004 e 2011, morreu neste sábado (28), aos 66 anos, no Rio de Janeiro.

Ela era médica, professora, pesquisadora e primeira mulher a ser reitora da UERJ (Universidade Estadual do Rio de Janeiro). Ela tinha câncer e recebia assistência médica em casa.

Nilcea foi responsável pela realização da I Conferência Nacional de Políticas para as Mulheres, que teve como um dos resultados o Plano Nacional de Políticas para as Mulheres.

Presidiu o Conselho Nacional de Direitos da Mulher.

Durante a sua gestão no governo destacam-se a “Lei Maria da Penha”, a criação do Ligue 180 e do Pacto Nacional de Enfrentamento à Violência contra as Mulheres.

Durante sua gestão na reitoria (2000-2004) foi votado e implantado na UERJ, de forma pioneira, o sistema de cotas para estudantes egressos de escolas públicas e negros. O projeto foi intensamente debatido nos anos seguintes e acabou adotado em outras dezenas de universidades públicas.

Ex-militante do PCB (Partido Comunista Brasileiro), foi ameaçada por órgãos de repressão durante a ditadura militar brasileira e viveu exilada no México entre 1975 e 1977.

Várias personalidades, políticos e internautas lamentaram a partida de Nilcea. Veja abaixo:

 

Leia o texto completo em Revista Fórum